Enquadramento

Fotografia, não é tiro ao alvo, nem a câmera fotográfica é um rifle! Evite fazer fotos, onde o assunto esteja enquadrado exatamente no centro do visor de sua câmera. Isso resulta em uma imagem sem graça, pois não existe um ponto de interesse na imagem. Por que será, que existe essa tendência de centralizar o assunto no visor da câmera? Durante muitos e muitos anos, foi difundido esse terrível procedimento, pelos fabricantes de câmeras e filmes, para evitar o corte acidental, principalmente nos retratos de pessoas. Naquela época o visor das câmeras não eram lá muito exatos e o que voçê visualizava, nem sempre correspondia ao resultado da foto copiada no papel. Era comum, o corte indesejado, degolando pessoas ou desaparecendo com detalhes importantes da composição fotográfica. Isso se devia ao famoso, "Erro de Paralaxe", provocado pelas posições diferentes, entre o visor e as objetivas das câmeras fotográficas, da época. Com o advento das câmeras, com a visualização através da objetiva, esse problema foi solucionado, mas, as pessoas ainda insistiam em enquadrar as suas fotos, de forma condicionada, como lhes fora ensinado: como quem pratica tiro ao alvo. Na mosca! Uma fotografia composta com pontos de interesse em excesso, também acaba por não atrair a atenção para nenhum deles. Por isso uma composição mais simples é muitas vezes mais eficiente, para transmitir uma idéia ou sensação agradável, do que uma panorâmica confusa que mostra tudo (numa paisagem), sem realçar nada. A seleção consciente daquilo que se vai incluir numa fotografia é um passo fundamental para obter um bom resultado. O fotógrafo tem que ser capaz de organizar aquilo que quer mostrar, na suas fotos. Uma forma prática, de resolver o enquadramento, é dividir (mentalmente), o quadro em duas linhas verticais e duas horizontais, em espaços iguais, formando uma espécie de grade. Nos cruzamentos dessas linhas verticais e horizontais, se encontra o melhor ponto de interesse do assunto fotografado. Esse cruzamento das linhas, é chamado de Ponto Áureo, ou Regra dos Terços. Isso, é conhecido desde tempos imemoriais, pelos artistas, pintores e desenhistas, para estabelecer uma boa composição do quadro, chamando a atenção do olhar do observador, para um determinado ponto da imagem. A regra dos terços se aplica aos modernos smartphones no momento de fotografar. Prefira fotografar com o aparelho na posição horizontal, que lhe oferece mais espaço lateral em suas fotos e as torna mais elegantes. A não ser que você esteja fotografando um edifício, ou uma pessoa de corpo inteiro.